Empresários e trabalhadores de hotelaria e restaurantes fazem protesto na capital do Piauí.

0
47

O Sindicato da Hotelaria e Gastronomia do Estado do Piauí e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, a ABRASEL, realizaram nesta quarta-feira (3) um protesto por investimentos em saúde, como abertura de leitos para tratamento de Covid-19 e aquisição  de vacinas, além da manutenção do funcionamento do setor de alimentação fora do lar.

A manifestação iniciou em frente à Assembleia Legislativa e logo em seguida chegou à avenida Frei Serafim, a mais movimentada da capital piauienses.

Entre os principais pontos de reivindicação dos manifestantes estão: reabertura dos hospitais de campanha, reabertura de leitos de UTI destinados a pacientes com Covid-19, e funcionamento do setor com adoção de protocolos de biossegurança.

Segundo Vitor Bezerra, conselheiro da ABRASEL, foi uma reivindicação da classe empresarial e trabalhadora. “Nós defendemos a cobrança dos protocolos de segurança, defendemos a ampliação de leitos de UTI e a divulgação clara dos números pela Secretaria Estadual de Saúde. Precisamos trabalhar”, explicou.  Fonte: ODIA. Fotos: PiauiHoje. Edição: APM Notícias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui