Indígenas maranhenses recusam vacinação contra o coronavírus.

0
20

 

A vacinação entre os indígenas está se tornando uma preocupação entre as autoridades de saúde do Maranhão. Estima-se que perto de 2,3% da população indígena do estado esteja se recusando a tomar a vacina.

A vacinação dos indígenas é de responsabilidade do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), órgão federal, mas diante do cenário, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) está reforçando o trabalho já realizado pelas equipes da Força Estadual de Saúde que atuam constantemente nas áreas indígenas.

De acordo com o Painel Covid-19 do Maranhão, entre os municípios maranhenses que estão com baixa cobertura de vacinação estão aqueles que contam com grande concentração de indígenas, como Amarante do Maranhão e municípios da Regional de Saúde de Barra do Corda como Jenipapo dos Vieiras, Itaipava do Grajaú, Arame, Grajaú e Barra do Corda.

O Distrito Sanitário Especial Indígena do Maranhão (DSEI-MA), vinculado à Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), divulgou no último dia 16 de fevereiro, os dados referentes à vacinação de indígenas contra à Covid-19 no estado, que conta com um total de 9.036 doses de vacinas aplicadas.

O Boletim de Vacinação apresenta os números referentes à aplicação da primeira dose da vacina e está organizado por polos-base (Amarante, Bom Jesus das Selvas, Krikati, Barra do Corda, Zé Doca, Arame, Grajaú e Santa Inês), Casa de Saúde Indígena (CASAI), nas localidades São Luís, Imperatriz e Teresina, e ainda dados do município de Viana, que se referem aos números da vacinação junto ao povo Akroá Gamela.

Segundo informações do DSEI-MA o grande número de recusas, especialmente nos polos de Barra do Corda (2.318), Amarante (1.008), Arame (866), Grajaú (718) e Santa Inês (356). Os polos com menor número de recusas foram Krikati (67), Bom Jesus das Selvas (25) e Zé Doca (07). Nas diferentes localidades da Casa de Saúde Indígena e em Viana não houve recusa.

 

O Maranhão possui uma população de 19.626 habitantes e até o momento a vacinação do índio no estado encontra-se da seguinte forma: 1ª dose 6.962 o que corresponde a 35% e na 2ª dose apenas 823 o que corresponde a 4%.  Fonte: Oimparcial. Fotos: OGLOBO/ SSM. Edição: APM Notícias.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui